Cirurgia Plásitica é o novo sonho da Classe C

Pesquisa mostra que o aumento registrado na procura de operações no Brasil chegou a 43,9%

 

O Brasil ocupa o terceiro lugar no ranking mundial de procedimentos por pessoa com uma média de 4,6 operações por mil habitantes, isso segundo dados ainda de 2001 - os mais recentes divulgados -, quando foram realizadas cerca de 905 mil cirurgias plásticas.

 

A “nova classe média”, denominação dada à classe C, possui papel significante nesse aumento de cirurgias plásticas. Mais de 90 milhões de brasileiros estão inseridos nessa nova classe econômica que, nos últimos dez anos, teve um aumento de 40 milhões de pessoas.

 

Uma pesquisa realizada pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética juntamente com a SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica) mostra que, entre os anos 2008 e 2011, o aumento na procura de operações no Brasil chegou a 43,9%. Este aumento, diretamente ligado à ascensão da classe C, mostra também o perfil do povo brasileiro, que é culturalmente mais aberto a esses procedimentos. A tendência é que os números aumentem com o passar do tempo.

 

Rodrigo Antoniassi é cirurgião plástico e membro efetivo e Especialista da SBCP e diz que é importante destacar a mudança de cultura do país relacionada a cirurgias plásticas.

 

“O desejo de estar de bem com o corpo é comum a todos. A maioria das pessoas quer mudar alguma coisa no corpo ou no rosto, com a ascensão econômica é natural que mais pessoas também queiram realizar este sonho”, afirma Antoniassi, que ressalta o aumento significativo na procura de procedimentos por pacientes da classe C em seu consultório em Rio Preto.

 

Lipoaspiração/A cirurgia plástica mais procurada no Brasil é a lipoaspiração, apesar de ser a que contém mais riscos aos pacientes quando feita por profissionais sem capacitação ou quando há lipoaspiração excessiva.  Há também aumento nos números de homens que buscam o corpo ideal, chegando a 30% nos consultórios.

 

O que o sexo masculino mais procura é a blefaroplastia (pálpebras) e ginecomastia (redução da mama masculina), além, é claro, da tradicional lipoaspiração. Já o publico feminino, que representa a grande maioria na procura de procedimentos estéticos, busca a lipoaspiração e o implante de silicone nos seios.

 

Entrevista - Rodrigo Antoniassi_Cirurgião Plástico: 'Desejo de estar de bem com o corpo é comum a todos'

 

Quais são os dados estatísticos que apontam para o aumento da procura pelas cirurgias para a classe C?

Ainda não existe um levantamento oficial e específico sobre o público da classe C, as pesquisas só abrangem o número total de cirurgias realizadas no país. O que registramos no consultório é um aumento na procura de procedimentos por estes pacientes. Porém, é importante destacar que esse aumento vai muito além da questão econômica e passa, principalmente, pela mudança de cultura. O desejo de estar de bem com o corpo é comum a todos. A maioria das pessoas quer mudar alguma coisa no corpo ou no rosto, com a ascensão econômica é natural que mais pessoas também queiram realizar este sonho.

 

Esse número é maior por parte de homens ou mulheres? Qual o tipo de cirurgia mais procurada?

As mulheres ainda são a maioria nos consultórios e correspondem a cerca de 70% do público. Porém, a procura do público masculino tem aumentado ano a ano e hoje chega a 30% dos pacientes. As campeãs na procura pelas mulheres são a lipoaspiração e o implante de silicone no peito. Pelos homens as mais procuradas são a blefaroplastia e ginecomastia (redução da mama masculina).

 

Quais são as facilidades oferecidas hoje em dia?

As opções de créditos estão bem mais facilitadas hoje em dia, por isso é comum pessoas recorrerem a financiamentos e empréstimos para realizarem o sonho da cirurgia plástica. Esta maior oferta de créditos aliada a um número maior de médicos cirurgiões plásticos também facilita a procura.

 

E quais são os cuidados na escolha do cirurgião?

É importante frisar a atenção para promoções ou preços milagrosos. Valores muito abaixo da média praticada podem significar que algum aspecto da segurança ou da técnica está comprometida.

 

Cuidados na hora de escolher a operação

É importante estar atento a promoções e preços milagrosos, avisa o cirurgião plástico Rodrigo Antoniassi. Apenas médicos credenciados pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) podem realizar operações. A SBCP ainda alerta que é preciso tomar cuidado com empresas que intermediam a relação entre médicos e pacientes. Existem sites na Internet que oferecem pacotes com diversos procedimentos por um preço muito abaixo do normal.

 

Repórter: Ana Carolina Datore

Link: http://www.redebomdia.com.br/noticia/detalhe/62317/Cirurgia+plastica+e+o+novo+sonho+da+classe+C