Mentoplastia (cirugia de queixo)

A mentoplastia é a cirurgia plástica que corrige alterações na estrutura do queixo. O objetivo é deixar os traços do rosto mais harmônicos. O queixo pode apresentar uma formação mais avançada ou retraída devido a fatores naturais.


Quando o queixo é mais retraído, o procedimento mais comum é a colocação de uma prótese de silicone para aumentar o seu volume. Há outras opções, mas cabe ao cirurgião plástico identificar o melhor procedimento a partir da avaliação do paciente.


Quando o queixo apresenta um volume mais avantajado, a cirurgia plástica promoverá a retirada do excesso de gordura da região.


A mentoplastia pode ser associada a outras cirurgias da face, por exemplo, a rinoplastia (cirurgia de nariz). A combinação das duas técnicas permitirá ao cirurgião plástico promover um maior equilíbrio entre os traços da face.


Dicas e Recomendações


Anestesia
Quando a cirurgia envolve apenas o queixo, a anestesia local com sedação é a mais utilizada. Em caso de haver combinação com outras cirurgias, a anestesia também pode ser geral.


Contraindicações
A cirurgia não poderá ser realizada se o paciente estiver com suspeita de gripe ou algum tipo de infecção. Caso o paciente faça uso de remédio para emagrecer ou diurético, deve suspender a medicação pelo menos 20 dias antes da cirurgia. O mesmo vale para remédios à base de ácido acetilsalicílico. Se for fumante, cortar o consumo de cigarros duas semanas antes da mentoplastia. O hábito de fumar só poderá ser retomado 15 dias após a cirurgia. Em mulheres, não é permitido fazer maquiagem antes da cirurgia.


Pós-operatório
Nos primeiros dias após a cirurgia plástica o paciente precisará usar um curativo para manter a prótese de queixo imobilizada. Além disso, o curativo é uma garantia para que não haja traumas na região operada. Inchaços são comuns nas primeiras semanas e quadros de dor são aliviados com o uso de analgésico e antibiótico. O retorno as atividades cotidianas deverá ser feito no 10º dia de pós-operatório.


Cicatrização
Em caso de inclusão da prótese, poderá ser feita uma cicatriz interna (dentro da boca) ou por meio de uma pequena incisão na parte inferior do queixo. Caso a cirurgia seja indicada para eliminar excesso de gordura, não há cicatrização.


Complicações
Apesar de raras, as complicações da mentoplastia podem ser abertura de pontos, infecções, hematomas, alterações na cicatrização e problemas anestésicos.