Rinoplastia (cirurgia de nariz)

A rinoplastia é a cirurgia da face que corrige imperfeições do nariz, deixando seus traços mais harmônicos com o restante do rosto (olhos, boca, queixo, bochechas). Por meio da rinoplastia também é possível corrigir problemas respiratórios, por exemplo, o desvio de septo.


É muito comum pacientes que recorrem à rinoplastia manifestar o interesse de que o novo contorno do nariz seja semelhante ao de uma atriz ou ator famoso, reflexo da influência da mídia na padronização da beleza. No entanto, o cirurgião plástico vai buscar o desenho que seja mais harmônico com os traços da face de cada paciente para que haja equilíbrio estético.


O resultado definitivo da rinoplastia será alcançado em um ano, mas logo nos primeiros meses já é possível notar o novo formato dado ao nariz. Durante o processo de recuperação, é importante que o paciente evite traumas na região operada, assim como a exposição ao sol, friagem ou vento.


É possível combinar a rinoplastia com outros procedimentos cirúrgicos, como o lifting facial, a mamoplastia e a lipoaspiração, mas a viabilidade é identificada pelo cirurgião plástico a partir da avaliação do paciente.



Dicas e Recomendações


Procedimento
A rinoplastia dura em média duas horas, sendo que o paciente permanece internado por um dia. A anestesia mais comum no procedimento é a local com sedação, mas há casos em que o cirurgião recorre à anestesia geral. Na maioria das vezes, as incisões são feitas na parte interna do nariz. Quando a cirurgia envolve as asas nasais, há pequenas incisões entre a asa e a maçã do rosto.


Contraindicações
A cirurgia não poderá ser realizada se o paciente estiver com suspeita de gripe ou algum tipo de infecção. Caso o paciente faça uso de remédio à base de ácido acetilsalicílico deve suspender a medicação pelo menos 20 dias antes da cirurgia. Se for fumante, cortar o consumo de cigarros quatro semanas antes da rinoplastia. O hábito de fumar só poderá ser retomado 30 dias após a cirurgia. Em mulheres, não é permitido fazer maquiagem antes da cirurgia.


Pós-operatório
Quadros de dores intensas não são comuns no pós-operatório da rinoplastia, mas será receitado analgésico ao paciente. Nos primeiros dez dias, o nariz fica imobilizado com um curativo de acrílico. Além disso, um curativo menor, de caráter protetor, é colocado na parte inferior do nariz para absorver o sangramento que ocorre nos primeiros dias. Esse curativo deverá ser trocado periodicamente pelo paciente. Há casos que exigem tampão nasal. A prática de atividades físicas deverá ser retomada após o primeiro mês. Esportes de contato devem ser evitados até o terceiro mês para que evitar traumas na região operada.


Cicatrização
As cicatrizes da rinoplastia geralmente ficam na parte interna do nariz. Há casos onde incisões são feitas nos sulcos entre as asas nasais e a face, mas a cicatrização é imperceptível. Os pontos são absorvíveis na maioria dos procedimentos.


Complicações
Apesar de raras, as possíveis complicações pós-operatórias são sangramento, hematoma, infecção, obstrução nasal e problemas anestésicos.